SEGA 57 Anos – MegaCast # 04

Compartilhar não custa nada!

SEGA! Uma grande empresa americana, mas fundada no Japão, que completou a pouco tempo 57 anos. Entre os seus altos e baixos, a gigante azul trouxe muitas emoções para todos os tipos de jogadores nos quatro cantos do mundo.

Membros deste episódio do Podcast
Daniel Gomes
Alexsandro Lima
Carlos Guilherme
Helder Borges
Alemon Só citado!
Ivan Odinstoff

Em algum momento você, gamer, chegou a jogar algum console da SEGA, seja o Master System, Mega Drive, Sega Saturno ou Dreamcast e se não eles, muito provavelmente chegou a jogar as dezenas de títulos que foram lançados em arcade pela SEGA.

Segue, abaixo, um pouco da história da empresa:

A Sega foi originalmente fundada em 1920 em Honolulu, no Havaí como Standard Games, por Martin BromleyIrving Bromley e James Humpert, para fornecer divertimentos pagos ao pessoal das bases militares americanas na região que atuaram na Segunda Guerra Mundial. Em 1951 a empresa transferiu sua sede para Tóquio, no Japão, aonde se mantém até hoje.

Em 1954, o empresário americano David Rosen se estabeleceu no Japão com a companhia Rosen Enterprises, com a finalidade de exportar obras de arte. Quando a companhia importou cabines de fotografia instantânea, esbarrou num sucesso de vendas: as cabines se tornaram extremamente populares no Japão. Os negócios estavam crescendo, e a Rosen Enterprises se expandiu com a importação de jogos eletro-mecânicos.

A Rosen Enterprises e a Sega se fundiram em 1965 para se tornar a Sega Enterprises. Em um ano, a nova companhia lançou um jogo simulador de submarinos chamado “Periscópio” que alcançou sucesso estrondoso no mundo inteiro.

Em 1969, a Gulf & Western Industries comprou a Sega, e Rosen foi mantido como CEO. A Sega continuou a crescer e prosperar. Nos arcades, a Sega tornou-se conhecida pela criação de Frogger e Zaxxon, e foi necessária sua divisão entre Sega da América e do Japão devido à imensa carga de trabalho. Em 1982, o lucro das duas divisões juntas foi de US$ 214.000.000,00.

CONFIRA O TERCEIRO EPISÓDIO DO MEGACAST: MEU VIDEOGAME É MELHOR QUE O SEU…

Em 1983 lançou no mercado o SG-1000 , produto que não obteve muito sucesso, chegando apenas ao Japão e a Australia, depois a Personal Arcade trouxe para o mercado um console com duas entradas de cartuchos, uma para jogos da Coleco e outro para o SG-1000.

Então aconteceu o crash dos video games de 1983. Perdendo dinheiro, a Gulf & Western vendeu a divisão americana da Sega para a Bally Manufacturing Corporation. A Sega do Japão foi comprada por 38 milhões de dólares por um grupo de investidores liderados por Rosen e Hayao Nakayama, um empresário japonês que havia sido dono de uma das empresas compradas por Rosen. Nakayama se tornou o novo CEO da Sega, e Rosen assumiu a direção de sua subsidiária nos Estados Unidos.

Em 1984, o conglomerado japonês CSK comprou a Sega, e a renomeou para Sega Enterprises Ltd., com sede no Japão, e dois anos depois, suas ações estavam sendo negociadas na Bolsa de Valores de Tóquio. Neste ano nasceu o SG-1000 II, o console apresentava algumas diferenças, entre elas a possibilidade de adaptar um teclado ao console, além disso apresentava o CardCatcher: acessório adicional para que o videgame lesse cartões.

A empresa lançou então os consoles: SG-1000 Mark ISG-1000 Mark IISG-1000 Mark III (ou Master System)

Em 1986, a Sega lançou o primeiro Alex Kidd. Ele foi o mascote da empresa até 1991, quando seria substituído por Sonic. O personagem (um ouriço extremamente veloz) é um dos maiores sucessos da empresa, tornando-se um clássico até nos dia atuais. Ainda em 1991, investindo no sucesso dos arcades, lançou Time Travelers, jogo inspirado em velho oeste com atores reais. As imagens eram reproduzidas por uma tela e refletidas por um espelho curvo sobre a área de jogo, criando a falsa impressão de holograma. A tecnologia era cara e a jogabilidade tinha problemas, e não houve mais investimentos nessa linha.

MEGA DRIVE DA TECTOY É REFUGO DOS ANTIGOS? CONFIRA O QUE ACHAMOS NO MEGACAST #02!

Em meados de 2004, a Kelwin assumiu o controle majoritário da Sega sob um custo de 1.1 bilhão de dólares, criando a nova companhia denominada Sega Kelwin Holdings, agora uma das maiores desenvolvedoras de jogos do mundo.

Em 18 de setembro de 2013 a Sega anunciou que compraria a falida Index Corporation, proprietária da desenvolvedora japonesa de jogos Atlus. A negociação foi concluída em 1 de novembro de 2013, com a marca tendo sido comprada por 14 bilhões de Ienes (cerca de R$ 316 milhões).

Edição do podcast por: Produtora Hud On

Tags

Você também pode gostar...

Compartilhe e Comente

Assinar o MegaCast

Brasil Game Show

Enquete

Quais são suas expectativas com o Sonic Mania?

View Results

Carregando ... Carregando ...
Parceiros